Exercícios recomendados para pessoas com osteoporose

20 de Junho de 2013

A osteoporose é uma doença que acomete os ossos. Como estrutura viva, os ossos necessitam de cuidados e atenção, para que sejam remodelados naturalmente, passando de um osso velho para um novo. Quando essa renovação dos ossos não acontece, eles ficam mais finos e fracos, daí surge a osteoporose. Quem sofre com a doença deve tomar muito cuidado ao carregar peso ou fazer muito esforço com o corpo, pois os ossos ficam mais suscetíveis a uma fratura. Isso também inclui a prática de exercícios, que deve ser indicada de acordo com as possibilidades de estrutura corporal apresentadas pelo paciente com osteoporose.

Veja os tipos de exercícios que podem ser praticados:

  • Exercício Aeróbio: Treino de bike, andar na esteira e dança.
  • Treinamento de resistência com pesos livres como halteres e barras, resistência elástico, resistência-peso do corpo ou máquinas de musculação.
  • Exercícios para melhorar a postura, o equilíbrio e a força do corpo, incluindo Pilates.  

O ideal é que a atividade física semanal inclua pelo menos um de cada exercício citado nos grupos acima.

Natação e exercício para quem tem osteoporose

Natação e exercício (como hidroginástica ou hidroterapia) não são exercícios de levantamento de peso, pois a flutuabilidade da água neutraliza os efeitos da gravidade. Por tanto, o exercício na água pode melhorar a aptidão cardiovascular e a força muscular.

Pessoas com osteoporose grave que estão em alto risco de fraturas ósseas podem achar que a natação ou exercícios na água são atividades perfeitas para elas. Mas antes de iniciar qualquer treino, consulte o seu médico ou profissional de saúde, ele poderá orientar com precisão se será viável a prática nessas condições.

Exercícios que pessoas com osteoporose devem evitar

Uma pessoa com osteoporose tem ossos enfraquecidos e propensos à fratura. Por esta razão, devem evitar praticar alguns tipos de exercícios físicos, como:

  • Exercícios que aumentam o risco de queda;
  • Exercícios que exigem a execução de movimento brusco, a menos que este seja introduzido gradualmente, como parte de um programa progressivo;
  • Exercícios que requerem um movimento de torção forte, como uma tacada de golfe, para pessoas menos habituadas a estes movimentos.
A quantidade de exercício para pessoas com osteoporose
Ainda é desconhecida a quantidade exata de exercícios necessários para as pessoas com osteoporose. No entanto, uma pesquisa fez algumas recomendações sobre o tempo dos exercícios:
  • 45 minutos a uma hora de atividade aeróbica, duas a três vezes por semana.
  • O treinamento de resistência (como musculação com halteres, barras ou tubos de borracha) duas a três vezes por semana. Cada sessão deve incluir exercícios para fortalecer os membros inferiores, tronco e músculos do braço.
  • Exercícios de equilíbrio devem ser realizados em um nível desafiador e por alguns minutos pelo menos duas vezes por semana. Por segurança, certifique-se sempre de que você terá algum apoio por perto para o caso de se desequilibrar.
  • Incluir exercícios de alongamento para promover a flexibilidade.

O exercício deve ser continuado a longo prazo para conseguir reduções nas taxas de fratura. E não esqueça! Antes de iniciar uma rotina na academia, converse com seu médico e siga as recomendações dele.